Chá de erva-doce é bom pra quê?

Chá de erva-doce é bom pra quê?

Naturalmente doce, aromático e delicado, o chá de erva-doce é uma opção super gostosa para quem quer começar a evitar o açúcar na bebida, mas muito além disso, ele é um poderoso aliado do bem estar no dia a dia. Essa erva medicinal é utilizada por gerações para tratar dos mais diversos problemas, por isso é muito comum ver mães que passam esses ensinamentos para as filhas e assim por diante.

A erva é rica em nutrientes, tais como vitamina C e potássio, que ajudam o organismo a desenvolver resistência contra infecções, tornando uma erva anti-inflamatória, assim como auxilia o controle da pressão arterial e o ritmo de batimentos cardíacos.

Ela também apresenta vitamina B6 e A, ácido fólico, ferro, cálcio, magnésio e outras substâncias que ajudam a controlar o bom funcionamento do corpo, especialmente dentro das funções digestivas, intestinais, reais e até mesmo hepáticas.

Mas afinal, o chá de erva-doce é bom pra quê? Neste artigo você vai entender um pouco mais sobre os benefícios do chá de erva-doce e no que esse chá ajuda!

Chá de erva-doce para redução de gases

Sim, a infusão da erva-doce é utilizada para indigestão e flatulência, pois possui componentes que aumentam a digestão, reduzindo assim a produção de gases no processo, aliviando a sensação de estufamento de estômago. Ela é utilizada para o desconforto intestinal de bebês também.

Acalma a cólica intestinal

Utilizada por mães, avós, bisavós por contar com propriedades calmantes, a erva é uma grande aliada na hora de aliviar cólicas intestinais. Ela também pode ser utilizada como um calmante natural.

Regula a menstruação

A erva-doce pode auxiliar a regulagem do ciclo menstrual e também em seu fluxo, aliviando cólicas, dores nos seios e em outros sintomas da menopausa, por exemplo. Ela pode até mesmo auxiliar na produção de leite das mamães.

Ajuda com problemas estomacais

A erva contém ácidos que melhoram as funções digestivas através de fornecimento de hidrogênio necessário para a acidificação do estômago. Em desequilíbrio, a acidificação do estômago pode resultar muitos problemas no futuro.

Amiga da garganta

Por suas características antimicrobianas, a erva-doce vai combater o mau hálito e acalmar inflamações de garganta, assim como outras pequenas infecções bucais. Se estiver com dor de garganta já sabe, né?

Mas vale lembrar, nada substitui o médico!

A erva-doce, assim como várias outras ervas, nos ajudam a ter uma vida mais equilibrada e saudável, porém não devem ser utilizadas para automedicamento ou mesmo como o substituto para algum remédio. Lembre sempre de consultar um médico e entender o que faz bem para seu corpo!

Comentários